Itanhaem 2017 muito mais que noticias.

Palmeiras é denunciado na Conmebol por comportamento de atletas e torcedores

Por: Litoral 24 horas 03/05/2017 12:05

Palmeiras é denunciado na Conmebol por comportamento de atletas e torcedores

Palmeiras foi denunciado no Comitê de Disciplina da Conmebol pelo comportamento dos jogadores, que se envolveram em confronto com atletas do Peñarol na última semana, e também pela briga entre torcedores alviverdes e do clube uruguaio nas arquibancadas do estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu.

A denúncia cita os artigos 5, 6 e 11 do Regulamento Disciplinar da confederação. Os dois primeiros se referem à conduta dos atletas e membros do clube, o último ao dos torcedores. Em ambos os casos, o Palmeiras pode ser considerado responsável.

No artigo 5, o clube brasileiro foi enquadrado nos itens B (comportar-se de maneira ofensiva, insultante, ou realizar manifestações difamatórias), C (violar conceitos mínimos do que se considera comportamento aceitável no esporte) e E (comportar-se de maneira tal que o futebol e a Conmebol possam ser vistos com descrédito).

 
Felipe Melo dá soco em Matias Mier na briga de Peñarol x Palmeiras (Foto: EFE/Raúl Martínez)
Felipe Melo dá soco em Matias Mier na briga de Peñarol x Palmeiras (Foto: EFE/Raúl Martínez)

Felipe Melo dá soco em Matias Mier na briga de Peñarol x Palmeiras (Foto: EFE/Raúl Martínez)

Por causa das brigas nas arquibancadas, o Palmeiras foi denunciado no artigo 11, itens B (lançamento de objetos), F (desordem) e G (quando em casos de tumulto em que não são identificados os responsáveis, o órgão disciplinar sancionará o clube a que pertencem os agressores).

O volante Felipe Melo, protagonista da confusão, já foi suspenso preventivamente por três jogos, assim como outros três jogadores do Peñarol. O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, foi à Conmebol nesta semana para apresentar a defesa do clube.

 
 
 

Demo : jPlayer Android Fix